quarta-feira, 23 de abril de 2008

Charge por: Daniel Arruda


Burocracia - do francês: bureaucratie 1. Administração da coisa pública por funcionário (de ministério, secretarias, repartições, etc.) sujeito a hierarquia e regulamento rígidos, e a uma rotina inflexível.

É, ela mesmo a tal burocracia que nos persegue todo santo dia, ninguém sabe porque (ou sabe??) ela está tão presente no dia-a-dia no nosso mundo. Hoje, fomos eu e dois amigos meus tentar resolver o problema de minha amiga, pois o celular dela está faltando o número do PIN e ela não utiliza o celular enquanto não tiver com ele, ou seja, só recebe (bendita telefonia móvel!!), continuando, fomos até a rua Lagarto, fomos encaminhados até lá pela própria moça que vendeu o celular pra minha amiga, e falou para ela ir até lá, chegando lá, fomos à recepção: - Moça, é o seguinte, esse aparelho tá pedindo o PIN e perdemos. Ela: - Ah, eu não sei se aqui faz isso - ela dá um grito - Fulana!!! Telefonia móvel onde é?, a outra responde apenas com um dedo apontando pra um telefone, fomos até lá, esperamos muito, até o senhor que estava lá sair, chegamos, falamos com a Central de Atendimento, e tivemos de ir até uma autorizada da NOKIA, não fomos porque estava tarde, agora, como é que pessoas despreparadas estão em uma mesa para dar informações, não sabe nem o que dizer, e ainda tem que esperar filas e mais um telefonema e ainda ter que ir até uma autorizada, quer dizer, se fosse caso de vida ou morte, já teria morrido e a esta hora não estaria escrevendo aqui (ou então seria um blog póstumo, será? só tem uma pessoa que sabe minha senha...).

O que nos assola neste país é, de certa forma, a burocracia encontrada em todo tipo de serviço público, não se sabe se é má vontade dos que tem a responsabilidade de nos atender, ou se realmente tudo acontece porque tudo é lento, o sistema está fora do ar (meio difícil, mas escutamos estes tipos de desculpa o tempo todo...), a tecnologia está aí para evitar que nós peguemos filas, ou esperemos por serviços de direito social. Infelizmente, muitas pessoas, sabemos que não tem informação (ou não procuram saber...) dia desses foi imposta uma lei que só podia demorar em filas no máximo 15 minutos, mas ninguém reclama quando demora mais que isso, é... vamos viver assim por um bom tempo, quem sabe até que o mundo se acabe, mas as estas horas quero estar mortinho da silva (ou eu volto em outra encarnação pra ver...).

Precisamos acreditar que o país vai mudar (há!), e também que o mundo vai mudar, e vamos ser o melhor planeta da galáxia. E como Rodrigo do Dead Fish falaria: "E aí poderemos sorrir como mulheres negras, que apesar de todo sofrimento, se negam a chorar." - Mulheres Negras (Dead Fish - CD "Sonho Médio - 1999")

"Impunidade usada pra vencer, comprada com seus votos e sua omissão, legislar ou pedir voto, não seja tão honesto ou irá, se resignar e aceitar se eles são apenas 10, não terá o seu quinhão tão sujo quanto o deles."

Tão Iguais (Dead Fish - CD "Zero e Um - 2004")

Saudações.

3 comentários:

Grazi disse...

Gostei muito do assunto abordado!!!
Às vezes parece até que não estamos lá pedindo informação e esperando atendimento, pq simplismente somos ignorados!!!

Quando isso vai mudar? Não sei! Oq sei é que tô fazendo aminha parte!!!!

Bjões,

sua miguxa

Grazi =D

André Correia disse...

É realmente a burocracia é alta, até mesmo em serviços Particulares.

No seu caso ai, não foi nem serviço público, telefonia móvel é privada(ainda bem).

Pra mim, burocracia haverá sempre, tanto no público como no privado, no privado menos ainda que no público, mas aí tem de se ter cuidado, porque esse é um dos principais discursos reacionários, "PRIVATIZAR PARA DIMINUIR A BUROCRACIA DO SERVIÇO PÚBLICO"

Muito boa e válida a crítica, valeu focas, tá na ata! kkkkk

Flws gordinho

Anônimo disse...

Muito bem abordado esse assunto Rafa!
Sinceramente, a burocracia é demais, nesse caso que você comentou, ora preguiça, ora descaso, ora desprepraração do funcionário quanto ao atendimento...
Muito difícil conviver num País em que esperamos MAIS.

O que nos resta é fazermos nossa parte!

Sucesso sempre meu anjo!

Adoro demais viu!

Anne